INFORMAÇÕES

CARACTERISTICAS ENTRE UM BOM E UM MAU BORRACHO

CARACTERISTICAS DIFERENCIAIS ENTRE UM BOM BORRACHO E UM MAU


Todos os anos criam-se muitos borrachos mas poucos columbófilos são capazes aos 3 meses de idade do borracho fazer uma primeira selecção na mão, o que leva a ter os pombais com muitos pombos medíocres, esperando seleccioná-los no ano seguinte nos concursos. Para os que não se atrevem a seleccioná-los nas mãos é imprescindível fazer soltas de borrachos no mesmo ano de nascimento.

Embora considere benéfico as soltas dos borrachos, vou indicar algumas considerações que nos informará da qualidade dos nossos borrachos e em consequência, dos nossos reprodutores.

Vejamos em primeiro lugar como reconhecer as qualidades de um bom pombo:

Começando pelo seu carácter, deverá estar bem relaxado já que um pombo com coração bravo não teme que o seu cuidador o maneje entre as mãos, pois é suficientemente inteligente para saber que não lhe vamos fazer mal. Quando lhe abrimos a asa não podemos notar nenhuma resistência.

Os músculos de cada lado da quilha devem dar a sensação de uma bola de borracha. Se colocarmos os dedos sobre eles notaremos que vibram. Essa vibração é sinal de que têm uma boa constituição. Quando os órgãos funcionam correctamente, o sangue é de cor rosa.

A plumagem é suave e sedosa.

Se verificarmos minuciosamente o olho será brilhante, e os círculos do olho estarão bem definidos e penetrantes. Abrindo-lhes o bico, observaremos que é de cor rosa suave. O furo em forma de oval situado na língua, pelo qual respira, não se moverá praticamente e a língua estará quieta e plana.

Quando os colocamos entre as duas mãos sentiremos o seu perfeito equilíbrio e a cauda estará direita (recta) em relação ao seu corpo. Devem ficar um pouco inclinados para a frente quando se pega neles.

Um bom pombo deverá ser bom na mão e bons músculos e as últimas rémiges da asa activa ter flexibilidade. Para testar a flexibilidade poderemos tentar curvar as últimas rémiges entre o nosso polegar e o indicador sem que estas se partam. A flexibilidade destas rémiges é um factor importante e absoluto para que os pombos “ tenham asa “ para as longas distâncias. É importante prestar atenção às asas dos pombos antes de os mandar para um concurso duro com largas horas de voo. Como disse, deve-se verificar sempre a flexibilidade das últimas rémiges. Se essas penas se apresentarem duras e não curvarem o pombo está em má situação para voar com facilidade porque as rémiges estão muito duras. O pombo depressa se fatigará, mais do que aqueles que possuem rémiges flexíveis.

Os ossos darão a sensação que são grossos e fortes, em especial a pélvis e a união entre a quilha e a pélvis há-de ser perfeita, dando a sensação que são a mesma coisa, sem separação entre elas. Um outro teste que podemos fazer é pressionar um pouco o externo do corpo do pombo. Se o pombo fizer um pouco de barulho (roncar) é um mau indicio.

Vejamos os defeitos dum mau pombo, embora por analogia se compreenda que serão as que não contemplam o que atrás foi dito: O pombo mau terá um carácter nervoso e com tendência a quer sair das nossas mãos.

Os seus músculos serão tensos e duros e ao querer abrir-lhe uma asa oferecerá resistência e ao soltá-la a fechará de imediato (golpe).

Com o pombo nas mãos, a cauda estará para cima ou na maioria das vezes, para baixo, sinal de que o pombo está desequilibrado. A plumagem será áspera devido a uma má circulação de sangue, assim como os seus olhos estarão tristes e sem brilho.

Abrindo o bico, a garganta estará inflamada e de cor vermelha. O furo da língua deixa de ser oval e é redondo e maior e estará continuamente a abrir e fechar. A língua estará em continuo movimento para cima e para baixo devido à respiração defeituosa.

Muitas vezes este sintoma (problemas respiratórios) poderá ser por excesso de peso.

Um pombo muito nervoso, a sua pupila altera de tamanho continuamente, e a sua vida desportiva acaba numa solta algo dificultosa, ou seja, difícil.

MUITO IMPORTANTE: Há pombos maus que também possuem as características dons bons pombos. Contudo, se o pombo não possuir essas qualidades, será certamente um mau pombo.


OBRIGADO AO: SR. AMERICO ROCHA PELO DOCUMENTO FORNECIDO